Programa Em Cena

[blip.tv ?posts_id=2290350&dest=-1]

Nessa programa o espetáculo “Por um Fio” de Drauzio Varela; 9ª Bienal Brasileira de Design Gráfico e muito mais…

Mostra TUPYEXXX- Moulder 3, na Galeria Monica Filgueiras; 1ª mostra paulista de Stand Up Comedy; Museu de arte contemporânea da Usp, narra a trajetória do Modernismo; A mostra “Mas este capítulo não é sério”, no Museu da Lingua Portuguesa homenageia Machado de Assis e muito mais.

exposição retrospectiva “Smetak Imprevisto” no Museu de Arte Moderna de São Paulo; exposição Brasil Brasileiro em cartaz no Centro Cultural Banco do Brasil; a Galeria Bergamin apresenta a mostra Contra o Verso; o Instituto Moreira Salles traz a exposição A Bahia de Jorge Amado; O mundo invisível dos Micróbios: Biodiversidade e arte no Instituto Butantan

Nessa programa você confere a Mostra de Dramaturgia Nordestina; São Paulo no Logo, exposição do fotógrafo Tony de Marco; uma visita à Casa Modernista; e as exposições ” Identidades Contrapostas” e Karim Rashid”, ambas no Instituto Tomie Ohake.

Essa semana entrevistei o curador de teatro do Centro Cultural São Paulo, Sebastião Milaré.

Ele é o responsável pela Mostra de Dramaturgia Nordestina que acontece simultaneamente até dezembro, no Centro Cultural de São Paulo e Centro Cultural Banco do Brasil.

Como todo apaixonado pelo teatro, ficou nítido o prazer e a emoção do curador , em trazer para São Paulo, alguns espetáculos produzidos por companhias nordestinas, onde o foco principal é apresentar ao público daqui, a cultura, crenças, arte e regionalização dessas cidades no palco.

GRandes poetas e dramaturgos do Nordeste sempre estiveram entre as mais importantes figuras do teatro brasileiro, como Nelson Rodrigues, José de Alencar, Artur Azevendo, Dias Gomes…

A partir dos anos 1950 tem início uma dramaturgia característica baseada no folclore, cultural popular, mitos, lendas e problemas sociais da região. A partir daí o moderno teatro nordestino começou a ser percebido.

Acho que depois do sucesso de “Auto da Compadecida”, o teatro nordestino rompeu definitivamente as fronteiras do Nordeste e apresentou a todo o mundo cênico figuras como Ariano Suassuna, Joel Pontes e Hermilo Borba Filho.

Não sou expert em teatro, sou simplesmente uma espectadora, mas tenho certeza, que essa mostra trará este universo para mais perto de nós. A colônia nordestina que aqui reside vai se reconhecer no teatro e, o povo paulistano, vai romper as barreiras e conhecer um pouco mais sobre o teatro nordestino.

A matéria completa você assiste no próximo Em Cena que será postado na semana que vem.

beijo da Dani


Feira de Teatro Ventoforte 2008;  em uma iniciativa conjunta, o Museu da Imagem e do Som de São Paulo e o Paço das Artes realizam simultaneamente a exposição “I/Legítimo: Dentro e Fora de Circuito”; a DAN Galeria apresenta a exposição Momentos de Luz do artista plástico e gráfico Almir Mavignier; até 12 de novembro, o Cinesesc abriga a segunda edição paulistana do Indie – Mostra de Cinema Mundial.

O Museu de Arte Brasileira da Faap, traz pela primeira vez ao Brasil, a exposição “Papiers à la Mode”, da artista plástica Isabelle de Borchgrave; na Galeria de Arte do Sesi.. A mostra Paracas – Tesouros Inéditos do Peru Antigo”; na Galeria Brito Cimino a exposição “Mundus Admirabilis e Outras Pragas” da artista plástica Regina Silveira; Incentivo a leitura num universo recheado de interatividade, visite o site http://www.livroclip.com.br